domingo, agosto 19, 2007

5 dias


Algumas considerações:

- Praia;
- Quarto branco;
- Caril de frango;
- Biscoitos de natas;
- Café da Vila;
- Galiota;
- Cor de uva;
- Ala Kala;

"- Amo-te!
- Não te posso dizer o mesmo." Os olhos tornaram-se num mar imenso e profundo.
Que interessante! Que surpresa! ... nunca amaste. Quando uma pessoa desiste de falar, de ouvir, de estar e de ser, não há nada a fazer. A minha opinião: há só duas ou três coisas que nunca mudam e o amor é de certeza uma delas.
Não quero mais falar disto.
Ligação a 5 dias em www.simemusica.blogspot.com

4 comentários:

Cristina disse...

Mas o amor pode mudar. Ou não? O problema é considerar se mudamos com ele... ou não... não sei! Sei pouco sobre certas coisas! Mas podes explicar-me tudo, se um dia te apetecer. Lembras-te de um dia termos combinado que nos escreveríamos quando apetecesse? Às vezes apetece!

Boop' disse...

Beijo

menina das sardas disse...

estranho este post... mas cativante... misterioso!

100 Sentidos disse...

Minha querida, se nada é eterno, porque é que o amor o deverá ser? E além disso imutável, parece-me demasiadas exigências para um sentimento só...