terça-feira, novembro 27, 2007

Ramificações

O dia começou menos bem... não dormi bem. Mas como transformar um início atribulado em noite calma? Simples! Relativizando as coisas. Se tenho o que quero, óptimo. Se não tenho... temos pena! São estes os momentos em que percebo, de uma forma quase assustadora, por onde caminho e quem me acompanha. Digo-vos... não são muitos. Mas que importa? Não falham. Ao longo do dia recebi telefonemas de alguns desses seres que me fazem levantar a cabeça: com palavras de ânimo, de força! Abriram o caminho para pensar nos outros que gosto e que são muito importantes para o meu equilíbrio. Recebi carinho e agora... estou calma...
A tranquilidade regressa a minha casa e eu recebo-a com um sorriso e um abracinho. "Conversa de gaja"? Talvez... mas quem já não se sentiu assim?
Ligação a Ramificações em http://www.simemusicablogspot.com/

6 comentários:

mfc disse...

A vida tem destas coisas que não nos apaziguam.
Somos todos parecidos.

Anónimo disse...

Sim, tens várias pessoas que gostam muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiito de ti e q te vão acompanhar sempre, nas alegrias, nas parvoíces, nas tristezas, nas neuras... em TUDO!
Beijos de quem estar+a sempre por perto...

Ana Sofia

Anónimo disse...

És assim. Bj
P.

Miudaaa disse...

Há dias assim.
Há dias menos assim e Há dias mais assim.

Uma verdade, tu disseste-la.."quem já nao se sentiu assim?"

Todos. Uns mais outros menos, mas todos já nos sentimos assim e muitas vezes nem conseguimos identificar as causas.

Que Amanhã seja um novo dia. Um dia cheio de SOL RADIOSO. Um Bom dia para ti.

Um Beijo da miudaaa

marta saldanha aldim disse...

Força!
Beijinho

SS disse...

Sabes amiga, o importante é chegarmos á velhice e podermos dizer que tivémos na vida 5 pessoas importantes e dessas 5, 3 ainda continuam a ser importantes e constantes na nossa vida! Eu vou uma das 3!!! :) Beijinho muito grande!