segunda-feira, dezembro 17, 2007

Perdoar II


Que belo dia...
Que belo dia!

A avaliação do meu projecto correu muito bem - nada melhor para compensar as duas noites sem dormir! Estou feliz, muito feliz... Serei feliz com as "minhas" crianças.

Estes dias têm sido de grandes reencontros. Todos eles importantes pelas inúmeras razões que os caracterizam. Cada amigo é único. Único, precioso e fundamental. Eu sei que a distância não é justificação para deixar esmorecer qualquer relação forte mas... tive medo. Medo de os perder, de os desiludir. Curiosamente... nenhum se "aborreceu" pela minha ausência. As suas vozes tranquilizam-me e os seus abraços valem mais do que milhares de palavras... por exemplo do projecto que tanto me obcecou. Estes amigos são assim... surpreendentes. Surpreendentes, verdadeiros e dão abraços fortes e sentidos. Força no abraço, força no elo.


Sim.. é possível perdoar. Sei que é possível perdoar quando consigo perdoar-me. E hoje fi-lo.

Ligação a Perdoar II em www.simemusica.blogspot.com

5 comentários:

Dias disse...

Muito cool para ti!

O texto, gostei também, mas ficam-me sempre mais os conteudos.

Beijo

marta saldanha aldim disse...

Estou sempre contigo! ;)
Beijo
Marta

SS disse...

Desiludir....pode sempre acontecer, mas perder nunca! Beijos e parabéns pela nota BEM MERECIDA no teu projecto! :) beijo de saudade do chá quente ao olhar para o lume da lareira no embrulho da manta de xadrez! ;)

Eyes wide open disse...

gostei da paz neste post...



*

Pedro Branco disse...

Nem sabes como estas palavras me ficaram cá dentro!

Obrigado. Beijo.