domingo, dezembro 30, 2007

Passagens

Os últimos dias foram muito movimentados... O rescaldo do Natal: jantar familiar de dia 24, almoço familiar de dia 25. A estadia na Luz. O aniversário da minha sobrinha. Enfim... só hoje sinto que consegui recuperar energias durante a noite :)

A Luz - reconstituição da Aldeia da Luz... É sempre bom lá voltar. É muito estranho ouvir as histórias da outra aldeia antes das águas a enterrarem... É com emoção que vejo as fotografias da antiga aldeia. A actual parece ter saído de uma banda desenhada... demasiado perfeita... demasiado certinha... Não parece real. Ficaram os mais velhos e a escola primária está em vias de fechar: só há dez alunos a frequentá-la e no jardim de infância o número está reduzido a metade. Instalações novas que não terão futuro. A hospitalidade de quem começa a entrar no meu mundo é mais do que poderia imaginar. Obrigada.

Quase a terminar o ano de 2007... Admito que não ligo à passagem de ano! Ao reflectir sobre o ano que finda... teria de festejar muitos finais de ano. As mudanças foram muitas. De qualquer forma... já tenho uma agenda nova para 2008. E tantas páginas livres disponíveis para receber parte do meu mundo.

Para todos nós... um ano cheio de saúde! O resto virá...

Ligação a Passagens em www.simemusica.blogspot.com

4 comentários:

Marta_Saldanha_Aldim disse...

espero que essa agenda de 2008 tenha muitos chás marcados comigo! ihihih
Beijinho e tudo de bom!
Marta

Pisces Girl disse...

Eu também não ligo nenhuma à passagem de ano; para mim, é uma noite igual às outras.

Paz e amor; saúde e energia; alegria; esperança; harmonia; amigos de verdade; sonhos concedidos; sucessos para comemorar e boas surpresas são os meus sinceros desejos para 2008 (para ti e para a tua família).

Um beijinho grande,

Pisces Girl.

Boop' disse...

Espero vir a estar numas dessas paginas que ainda estão vazias na tua agenda!

;)

mixtu disse...

o alentejo é muito bonito...
tambem tenho uma nova agenda, para mim a passagem é o trabalho de arranjar uma agenda em condições, yayaya

abrazo serrano